SOBRE

O Fundo de Solidariedade com a Cultura resulta de uma parceria entre a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML), a GDA — Gestão dos Direitos dos Artistas, a Audiogest (Entidade de Gestão de Direitos dos Produtores Fonográficos em Portugal) e a GEDIPE.

A iniciativa tem como objetivo apoiar financeiramente empresas e profissionais da cultura, cuja subsistência possa estar em causa, devido à paralisação do setor e consequente perda de rendimentos provocada pela Covid-19, procurando chegar a todos os agentes que compõem o meio cultural, incluindo aqueles que por vezes são negligenciados pelos programas de apoio à cultura convencionais.


Note que na 2ª fase de candidaturas é apenas possível concorrer à Linha de Apoio Geral.


Linha de Apoio Geral

Apoio direcionado a artistas, outros profissionais liberais (“recibos verdes”), empresários em nome individual e trabalhadores por conta de outrem, que estejam desempregados devido à pandemia e que desempenhem funções artísticas, técnicas, de gestão ou suporte em áreas que vão desde o cinema e audiovisual às bibliotecas e arquivos.